Pós-graduações IMED 2013

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Camaleônidas



Grande Ser, agradecemos por este período bom. Somos criados à tua imagem e semelhança, embora pequenos e camaleões, porque és benevolente. Que teus olhos independentes olhem sempre por nós. Que possamos nos aproximar da tua infinita e perfeita capacidade de se adaptar ao ambiente, mesmo sem compreender exatamente como isso ocorre. Que todos os camaleões possam agir como se tivessem nascido da mesma ninhada, e que sejam cada vez mais camaleônicos e sensíveis, e tenha misericórdia daqueles seres que não nasceram com a perfeita capacidade de mudar de cor.

Reconhecemos que, embora pequenos, nos fizeste melhores que os outros seres porque podemos mudar de cor, e por isso utilizamos esta capacidade para lhe amar sempre mais e mais, e é por isso que tu nos ama. Foi tua infinita bondade que nos deu o mimetismo, que nos coloca acima das outras criaturas, porque este é o supremo dom da criação, e que possamos usá-lo para mostrar aos outros camaleões que tu criaste o universo e tudo o que nele há somente para que possamos nos adaptar a ele.

3 comentários:

g a b r i e l e disse...

HUhauhauahauhah muito bom

Bruno Philipppsen disse...

Que perfeição! Muito boa a crônica! Não sei se vc assiste ou assitiu ao Futurama?? Tem um episódio que trata dessa mesma questão... Vou ver se acho o link para download e te mando! Abraço!

Bruno Philipppsen disse...

Tá aí o link para o 8º episódio da 4ª temporada do Futurama:

http://www.megaupload.com/pt/?d=PC311ONA

Abraço!